sexta-feira, 1 de abril de 2011

Amor & Ódio

    Eu costumo brincar com minhas filhas, quando elas dizem que me ama, que eu preciso aproveitar essa fase,  por que um dia elas vão me odiar.
    Elas ficam indignadas, e tenho certeza que muitos de vocês também estão.
    Mas, eu sou realista e sei que chegará um momento, quando elas crescerem, que  nossas idéias e valores entrarão em conflitos. Sempre foi assim, desde que o mundo é mundo !
    E eu sou uma mãe à moda antiga...Aqui em casa tem normas e horários, tem dia certo para beber refrigerante, para mexer no computador, confiro a lição de casa (que a escola me convenceu a deixá-las fazer na escola), apago se a letra estiver feia, não deixo dormir fora de casa (só em casos de necessidade)...E por aí vai...
     E é triste pensar que apesar de todo esse trabalho e dedicação, chegará um dia em que elas simplesmente não reconhecerão nada disso...Me cobrarão por aquilo que eu não fiz...
     Mas nada disso importa, por que eu estou fazendo a minha parte. Se não é o suficiente para livrá-las de problemas no futuro, é pelo menos uma forma de reduzir os riscos.
      Há, no entanto, uma luz no fim do túnel...Eu não me lembro de um dia ter odiado a minha mãe. (Representei 33,33% na vida dela).
    
    
    O futuro à Deus pertence ! Por isso vou aproveitando para beijá-las e abraçá-las muito agora ! 
    
   Fiquem em paz !

4 comentários:

Priscila Vono disse...

Ieda querida!
Não é verdade que quando chegamos aos 30 anos com ou sem filhos reconhecemos que tudo que mamãe fez foi pelo nosso bem e pensamos: por que não estudei ingles quando mamãe mandou?
Um beijo gde!
Visite meus blogs tb!
Bjo!

Regiane disse...

Ola.....
sabe que como você não lembro de nenhum dia em que tenha odiado minha mãe, mas lembro da minha irmã bem brava com ela, rsrsrsr.
Ainda não consegui colocar tantas regras para a Sofia, mas aos pouquinhos vou "podando" as asas da pequena até a hora em que ela realmente puder voar (e espero que até lá eu esteja madura o sufiente para conseguir entender, rsrsr).
Muito obrigada pelo comentário, e vamo juntar as pequenas sim.... se tiver algum dia mais tranquila marcamos e vc vem aqui...
beijocas

Aninha **Fairy** disse...

Oi!!
Eu não me lembro de ter odiado minha mãe um dia... Nossa Ieda, que idéia!!!...rs... Eu posso ter ficado aborrecida, chateada e ter me sentido incompreendida, mas nunca odiei minha mãe....

Ai que boba!
Beijos!!!

Ieda disse...

Ah...Vcs dizem isso, porque não conhecem meus irmãos...

Postar um comentário