terça-feira, 27 de outubro de 2009

( Parênteses)

       Lembrei-me de uma musica de uma novelinha que a Fernanda gostava de assistir (Floribella) que se chama "Crianças não morrem" . Gostaria de dedicá-la a Flávia, minha amiga que perdeu seu filhinho Pedro.


" Crianças não morrem...
Só vão para o céu
Colocam suas asas,
Acendem a alma
E voam tão perto...

Crianças não morrem
Se vão por um tempo
Descem das nuvens
E nascem de novo
Em outro pequeno"


Fiquem em paz !

Maternidade

     Sábado, encontrei uma velha amiga que há muito eu não via. Ela teve bebê em janeiro, mas em setembro o bebê faleceu de leucêmia.
     Fiquei arrasada com essa história e desde então não consigo parar de pensar nisso.
     Acho que devia existir uma lei divina de que filhos nunca deveriam morrer antes dos pais !
     A maternidade é realmente mágica ! A gente vive anos e anos sem aquelas "pessoinhas", mas depois que eles nascem, não conseguimos viver um só minuto sem eles ! Nós podemos trocar tudo, carro, casa, emprego e até de marido, mas os filhos não trocamos nunca, mesmo que os dos outros sejam mais bonitos, mais inteligentes, mais educados! É incrível como eles mudam a nossa vida !
     Outro dia na novela alguém disse: Filho não tem data de validade, é uma prisão perpétua sem grades... E que assim seja !
     E é por isso  que eu não consigo mensurar a dor de uma mãe que perde um filho. Se só de saber de uma história tão próxima, já fazem três dias que estou com um nó na garganta e um aperto no coração...
     De tudo isso, uma lição eu tiro:
Agradeço imensamente à Deus por minhas filhas bagunceiras, manhosas, choronas e saudáveis ! Preciso viver todos os momentos possíveis com elas, pois de nada serve um bom emprego, uma casa super limpa e organizada, uma vida social com os amigos, dinheiro sobrando na conta, se elas não estiverem comigo !

     Fiquem em paz!

sábado, 24 de outubro de 2009

Mamãe não é louca...




    A jornada tripla me deixa um pouco descontrolada, ás vezes...
    O estresse do trabalho, o trânsito, somado com as tarefas domésticas e com o "plus" da bagunça das meninas me levam a atitudes que podem aparentar LOUCURA.
    Como explicar para uma criança que hoje não é um bom dia ? Que eu não estou a fim de ouvir história na hora do banho ? Que eu gostaria de dormir cedo ? Que jogar a 10º partida de memória é demais ? Que adultos não podem subir no brinquedão do Buffet ? Nem pintar a cara ?´
   Como explicar o cansaço depois do trabalho ? Como explicar o trabalho ? O que é um chefe ? Por que eu não posso chegar atrasada ou faltar ?
    Pensando nisto, resolvi escrever um outro blog , todo dedicado às minhas filhas, para explicar hoje, tudo o que elas só vão entender no futuro, para retratar o nosso dia-a-dia, para contar fatos que acontecem com elas e que, se eu não registrar, ficarão esquecidos.
    ACESSEM : www.mamaenaoelouca.blogspot.com
    Espero que vocês o incluam na sua lista de leitura e divirtam-se !
    E a propósito: Eu não sou louca ! Só um pouquinho descontrolada...

   Fiquem em paz!
 

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Chuva de lembranças


Dizem que nessa madrugada choveu "prá burro" em Sampa!
Não vi e nem ouvi nada ! Estou tão cansada essa semana... Efeito do fuso-horário de verão (não estou reclamando).
Acordei
no susto, alguns minutos atrasada. Na TV, a reportagem dizia que o trânsito estava mais caótico que o normal ! Corri para me arrumar e arrumar as meninas, só esperei o cafézinho ficar pronto e saí para mais um dia de trabalho, preparada para enfrentar o vai-não-vai dos carros...Mas, cadê o trânsito ???
Melhor ligar para o Marcos e tranquilizá-lo...Mas, cadê a bateria do celular ???
Juntando todos esse fatos, eu me lembrei de quando eu era criança...

"Um dia estávamos voltando da casa da minha vó, só eu, minha mãe e meus irmãos, pois meu pai trabalhava de noite, e era de noite. Chovia torrencialmente e no meio do caminho, o carro quebrou !
Naquela época não existia celular, só aqueles telefones de S.O.S na beira das estradas. E como a Lei de Murphy rege o mundo, o carro não quebrou na frente de um deles.
Minha mãe não podia deixar 3 crianças no carro e sair atrás de um e também não podia tirar nós 3 do carro embaixo daquele temporal.
Eu era criança, mas lembro direitinho da minha mãe embaixo daquele "chuvão" acenando para os carros, pedindo ajuda...Encharcada e desesperada !"

Sorte que naquela época não havia tanto perigo de assalto como hoje !
Sorte que hoje, apesar dos assaltos, existem celulares!...Só preciso lembrar de carregar o meu periodicamente...

Fiquem em paz!

quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Perto é um lugar que não existe...

Nos últimos tempos, a minha maior ambição profissional era trabalhar perto de casa !
Queria estar mais perto das minhas filhas...Levá-las para escola um pouquinho mais tarde e buscá-las mais cedo. Queria levar apenas alguns minutos entre o trabalho e a escola delas naqueles momentos em que me ligam dizendo que elas não estão se sentindo bem ou que precisam de alguma coisa.
Enfim surgiu uma oportunidade... Mas nada definitivo...Estou desde a semana passada fazendo um trabalho extra aqui em São Bernardo,minha cidade !
E o que devia ser maravilhoso, se transformou em uma dura constatação : Perto é um lugar que não existe ! Não com o caos que virou o trânsito dessa cidade.
Acho que a única solução é torcer para abrir uma agência na rua da minha casa !

Fiquem em paz!

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Professores

Hoje é dia dos Professores !
Preparando o presentinho para as minhas filhas levarem para suas "prôs", eu fiquei recordando todos os professores que passaramna minha vida.
Lembrei da Tia Regina que me acompanhou durante toda a pré-escola e que vez ou outra eu ainda encontro por perto da casa da minha mãe.
Por incrível que pareça,eu me esqueci do nome da minha professora da primeira série...Estudei só um ano naquela escola.
Depois veio Dona Sally e a Dona Delvair.
Mas as professoras das quais eu mais me lembro, são as do Ginásio (era assim que a gente chamava da 5 a 6 série).
A Dona Alzimar era a professora de Português, alta, com cabelos bem pretos e longos, sempre muito bem maquiada...A gente chamava ela de bruxa...Mas na verdade,ela era muito bonita e exigente. Tudo o que eu aprendi de português, foi com ela...Ela tinha umas tiradas que ficaram gravadas em mim e ás vezes eu ainda repito: "-Estou ouvindo vozes, será fantasma ?" "-Esse aí, está para lá de Marraquesh, atravessou o Himalaia e já está chegando nos Alpes Suiços."
Tem a Dona Vera, o Professor Ricardo e a famosa explicação sobre a função das mitocôndrias, o professor Osny, a Dona Sirley e tantos outros mais...
Acho que professor deveria ser o emprego mais bem pago de todos, pois são eles que nos ensinam a ser aquilo que queremos ser. Todo médico,advogado, arquiteto, químico, farmacêutico, só o é porque tiveram professores que os ensinaram.

Que neste dia tão especial recordemos e agradecemos à todos os professores que tivemos (mesmo os chatos).

Fique em paz!

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Ser criança !


"Ser criança é acreditar que tudo é possível.
É ser inesquecivel e FELIZ com muito pouco.
É se tornar gigante diante de gigantescos pequenos obstáculos.
Ser criança é fazer AMIGOS antes mesmo de saber o nome deles.
É conseguir PERDOAR muito mais fácil do que brigar.
Ser criança é ter o dia mais FELIZ DA VIDA, TODOS OS DIAS.
Ser criança é o que a gente NUNCA DEVERIA DEIXAR DE SER."

FELIZ DIA DAS CRIANÇAS PARA TODA CRIANÇA QUE EXISTE DENTRO DE TODOS NÓS !

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Apenas para refletir...

" É de fato incrível a capacidade do ser humano em não acreditar. O mais religioso dos animais terrestres é o menos crente." - (Amyr Klink -Paratii Entre dois pólos )

Fiquem em paz !

sábado, 3 de outubro de 2009

Uma mãe orgulhosa





Hoje foi a feira cultural da escola das meninas.
O tema foi "Memórias de um tempo inesquecível" e os trabalhos apresentados foram sobre fatos e acontecimentos dos anos 30,40,50,60,70 e 80.






A Fernanda falou sobre os anos 80 e 90. E foi uma gracinha ! A parte dela era sobre a Banda Blitz e o Rock in Rio.
Na foto ela está com o Mateus, o seu parceiro de apresentação.





A Natália falou sobre brinquedos e brincadeiras antigas como : Peteca, amarelinha, bola de gudê, bola de meia, boneca de pano, bambôle, pipa e outros.
E aqui vai a mensagem mais importante que eles quiseram passar, na voz da própria Natália:

Brincar é importante ?

video

Estou cheia de orgulho das minhas princesas !
E vocês gostaram ? Comentem !
Fiquem em paz !

quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Saladas


"- Hoje acordei com uma vontade de comer uma saladinha no Kappa."

Quem me conhece bem e me ouvir dizendo isso, vai achar que eu estou grávida ou surtando !
Calma ! Nem uma coisa, nem outra !
Acontece que, até 2 meses atrás, salada não era o meu forte...nem o meu fraco...Simplesmente não fazia parte do meu cardápio.
Mas resolvi dar uma repaginada na silueta, e por isso tive que mudar os meus hábitos alimentares e incluir o "tal mato" no prato...
No começo, só alface temperado com um pouco de azeite e sal...No fim da primeira semana, eu já estava enjoada....
Então resolvi arriscar novas variedades de verduras e de temperos .
E pasmem ! Adorei !
E hoje, eu realmente acordei com vontade de comer um "pratão" de Salada do Kappa !

Fiquem em paz!